sábado, 15 de março de 2014

Sonho de Mariana

Quando eu acordei o ontem já era hoje e o hoje estava quase indo embora... Abri os olhos de vagar e era como se eu pudesse sentir as pupilas dilatando quando tocadas pela luz. Era o sol, era o dia, era o tempo... e eu não sabia como havia parado ali. 

Sim. minha pele estava diferente, minhas mãos pareciam mais pesadas... Era um jardim! Dei-me conta disso quando comecei a ouvir o som de crianças rindo e correndo ao redor. Levantei-me e fui andando até o lago que estava à minha frente, definitivamente eu não conhecia aquele lugar e também não reconheci aquele rosto que apareceu quando me curvei para observar os peixes que estavam a nadar.

Estava eu dentro de um corpo que eu não reconhecia... Atordoada com aquela confusão pus-me a andar e a observar o que acontecia por ali. As pessoas pareciam felizes, riam, comiam, choravam e algumas, para minha surpresa, até me cumprimentavam. Eu acenava com a cabeça e continuava andando. Estava quase certa de que havia enlouquecido de vez.

Não muito depois destes alguns passos uma criança me parou e disse: -"mãe está na hora! Vamos!"  Não restava dúvidas a loucura estava completa. Ainda ontem eu era jovem, tinha  15 anos estava pensando em namorar e agora vem esta criança... Com certeza meu caso era sério! 

Pois fui andando com aquela criança, até chegarmos embaixo de uma árvore onde se havia montado uma toalha cheia de comidas e outra com travesseiros, em volta mais uma criança e um adulto, um homem que elas, as crianças, chamavam pai. É melhor não dizer o que pensei...

Mas me ocorreu que foi dali, daquele lugar que eu me levantei, olhei para o lago e... Estava certo era mesmo dali. 

- Mariana! Ouvi e me virei. O homem vinha em minha direção com um sorriso encantador. E quando chegou perto de mim... 

Abri os olhos assustada. era minha mãe chamando para ir embora. O passeio no parque já havia acabado. Ela contou que eu havia dormido quase o dia inteiro. E eu, que vivia querendo ser mais adulta do que eu era descobri que é bom e necessário viver um tempo de cada vez.

Por: R. Vieira

4 comentários:

  1. Que lindo! Adorei o texto :)
    A maioria dos jovens vive a querer ser mais velho!
    Beijinhooo*
    www.flordemaracuja.pt

    ResponderExcluir
  2. Um sonho de cada vez! Já é fartura demais, não é? O tempo já passa tão rapidamente? Nós precisamos enganá-lo.

    Adorei o sonho da Mariana. Ótimo domingo!

    ResponderExcluir

Estou feliz demais com a tua visita!
Fique à vontade!

Obrigada!
R. Vieira